No vermelho: Parte dos servidores públicos de Caieiras virarão o ano sem salário

Uma parcela dos servidores públicos de Caieiras passarão a virada do ano sem ter recebido seus salários.

De acordo com uma fonte ligada à Prefeitura que buscou a Redação do Expresso Urbano o imbróglio foi provocado por um erro do departamento de Recursos Humanos da Prefeitura de Caieiras.

Segundo essa fonte, os servidores que pediram a portabilidade de seus salários receberão seus vencimentos apenas no primeiro dia útil de 2024 (dia 2 de janeiro) por conta do ponto facultativo que alguns bancos aderiram nesta sexta-feira, 29, o que gerou um grande desconforto e descontentamento com a administração municipal.

Enquanto isso, aqueles que têm contas no Banco Bradesco (com quem a Prefeitura tem convênio) já receberam seus salários a partir do dia 28.

Ainda conforme a fonte, que contou a situação à Redação sob a condição de anonimato, a Prefeitura de Franco da Rocha e o IPREM (Instituto de Previdência Municipal de Caieiras) anteciparam o pagamento dos salários já cientes de que algumas entidades bancárias adeririam ao ponto facultativo no último dia útil de 2023.

Vale lembrar que conforme noticiou o Jornal de Caieiras, este não é o único episódio polêmico envolvendo a Prefeitura de Caieiras e os servidores públicos neste final de ano.

Na semana passada, diversos funcionários relataram sua insatisfação com o esquema montado pela Prefeitura para a retirada das Cestas de Natal.

Foram várias as reclamações nas redes sociais sobre a desorganização e as longas filas enfrentadas durante a retirada das Cestas Relatos destacaram a falta de planejamento, resultando em horas de espera sob o sol e um calor escaldante.

A Prefeitura de Caieiras ainda não emitiu nenhum pronunciamento oficial em suas redes sociais nem sobre a situação do pagamento atrasado aos servidores, e nem sobre a desorganização na entrega das Cestas Básicas.

O espaço fica aberto caso a Prefeitura queira se manifestar.