Pesquisa da Prefeitura aponta que 67% dos caieirenses estão satisfeitos com a Viação Caieiras


Foto: Nerilton F. Ônibus

Saiu o resultado da pesquisa de opinião realizada pela empresa Mobiflex Projetos a respeito do transporte público de Caieiras. Segundo o relatório, que está disponível para consulta no site da Prefeitura, foram entrevistadas 790 pessoas no mês de maio deste ano, no terminal, nos veículos e pontos de ônibus.

As conclusões foram surpreendentes: de acordo mais de 60% dos entrevistados, a Viação Caieiras presta um serviço que atende as suas expectativas. O “Índice de Satisfação” relativo à atuação da empresa registrou aprovação positiva (entre regular e bom) para 67,72% e, para 61,4% a imagem da Viação Caieiras também é positiva, o que causa estranheza, tendo em vista as inúmeras e constantes reclamações dos usuários nas redes sociais, todos os dias.

Mesmo com tantos índices positivos, as principais queixas dos usuários estão voltadas ao intervalo e à pontualidade dos ônibus, o valor da tarifa, atualmente em R$ 4,80.

A pesquisa de opinião custou aos cofres públicos R$ 195 mil. No ano passado, a Prefeitura já havia gasto outros R$ 28,2 mil com outro mapeamento do transporte público municipal.

De acordo com informações do site da Prefeitura, após a compilação dos dados da pesquisa, será realizada uma audiência pública, na qual serão coletadas sugestões e comentários, que serão utilizados na fase seguinte, de concepção do modelo de transporte coletivo, e uma análise do que a Prefeitura espera do serviço. Então, finalmente, será iniciado o processo licitatório.

O contrato com a Viação Caieiras termina em agosto deste ano.

A revisão da concessão do sistema de transporte público é uma promessa de campanha do atual prefeito, Gilmar Lagoinha.

5 Comentários

  1. junior
    21 de julho de 2021
    Responder

    Esse plano de transporte todos os governantes que entram eles falam que vão resolver que vão renovar que vão colocar ponto com wi-fi que vão colocar avisos de chegada e saída de ônibus para aplicativo algumas coisas conseguiram mas sempre fazem essas mesmas promessas e nunca consegui chegar num bom resultado isso é porque é uma cidade de 70 80 90 mil pessoas será que é incapacidade dos administradores da cidade ou algum interesse em deixar o transporte público dessa maneira porque eu não acredito que muitos anos com essa mesma dificuldade e todos que entram falam que vão resolver e sempre Acabam nisso em nada e esses novos governantes não vão mudar é nada

  2. Priscila Vitorino
    21 de julho de 2021
    Responder

    Palhaçada !!!!
    O transporte coletivo de Caeiras é horrível ,o único lugar que tem dois bilhetes. Se fosse um bilhete só , teríamos mais opções .
    Fora o tempo de espera no ponto de ônibus .
    Essa pesquisa só pode ter sido comprada ou foi feita com pessoas que não utilizam o transporte de Caeiras .

  3. Valtide
    22 de julho de 2021
    Responder

    Palhaçada isso né kkk . Eu fico horas e mais horas no ponto e esse ônibus não presta

  4. Inaêh
    22 de julho de 2021
    Responder

    As pessoas deveriam conhecer um pouco mais sobre subsídios que o órgão gestor municipal deve ceder para ter uma melhor mobilidade, e consequentemente, a possibilidade de um tranporte melhor. A cidade possui saídas únicas para diversos bairros com maior concentração de munícipes, onde se ocorrer algum problema, como por exemplo, trânsito por excesso de veículos, acidentes ou até mesmo uma obra de revitalizacao/pavimentação, já ocasiona transtornos. Não estou aqui para defender empresa de transporte, mas se a preocupação da prefeitura é câmara fosse voltada a criação de vias, acredito que uma parte seria melhor. Morei em Campo limpo Paulista e o problema de intervalo lá também é complicado. Outra coisa é a questão de integração, ela deve existir sim, mas a própria população não se atualiza em utilizar método eletrônico. Todos possuem sua parcela de culpa ou razão sobre o assunto, cabe a cada um, na hora de eleger seu representante, ter a certeza que ele terá uma mente visionária sobre a realidade da cidade e não apenas status de eleito.

Escreva seu comentário no campo abaixo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *