70 anos de casamento: conheça a história do Sr. João Nolacio e da D. Virgilina


Foto: Arquivo pessoal

Doze filhos, trinta netos, vinte e oito bisnetos e seis tataranetos. Há setenta anos casado com a mesma mulher e prestes a completar cem anos de idade na próxima quinta-feira (17), o Sr. João Nolacio fez questão de dar um presente de Dia dos Namorados para o amor da sua vida toda, Virgilina França Silva Nolacio, no último sábado.

Tudo começa ainda no final década de 1940, no interior da Bahia, quando o rapaz, que tinha fama de namorador, com uma “forcinha” de Alice, uma comadre à época, conhece a mulher com quem dividiria a vida.

Foi amor à primeira vista.

Quem conta a história do casal é uma das netas, Dinalva. “Meu avô conheceu a minha avó e se encantou por ela, tanto que logo já a pediu em namoro para o pai dela e, nesses setenta anos, foram raras as vezes em que ficaram longe um do outro por muito tempo”.

O casamento dos dois foi em Novo Horizonte (BA), numa terça-feira, 23 de janeiro de 1951. Por muito tempo moraram em Itaeté, a aproximadamente 4h30min da cidade onde se casaram na igreja, até resolverem tentar a vida em São Paulo, em abril de 1987. Primeiro, chegaram de mala e cuia em Francisco Morato, mas, sete anos depois, mudaram-se para Caieiras, na Vila dos Pinheiros, onde moram até hoje.

Ao longo dessas sete décadas, Sr. João já fez de tudo um pouco para sustentar a casa e a família que foi construindo: trabalhou na roça, vendeu temperos, doces, cocadas… “Ele sempre foi um homem que gosta de saber de tudo, é muito bom com finanças e administra as contas da casa como ninguém”, conta a neta, orgulhosa.

A solidariedade e a empatia sempre foram palavra de ordem no lar do casal, antes mesma da palavra empatia virar moda. Uma das coisas que eles mais fizeram, segundo Dinalva, foi buscar ajudar ao próximo. “A vida nunca foi fácil para eles, então eles sabem o que é passar necessidade. Sempre que podiam, davam comida e até abrigo para quem não tinha”.

E o que fez um casamento durar tanto tempo? “O amor e o respeito que temos um pelo outro”, responde o casal.

O vídeo abaixo é da comemoração do Dia dos Namorados deste sábado. Fofura demais!

2 Comentários

  1. Denise Assis
    16 de junho de 2021
    Responder

    Que história linda!

  2. Bruna
    18 de junho de 2021
    Responder

    Parabéns! é um exemplo de Casal.

Escreva seu comentário no campo abaixo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *